segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

UM MILAGRE A palavra do Senhor é repleta de bênçãos, promessas e relatos de milagres que nos motivam a cultivar nossa caminhada cristã, visando que todos esses prodígios se cumpram em nossa vida também. Infelizmente, o que mais estamos vendo é a distorção do que um milagre significa, de fato. É o chamado “Evangelho da Prosperidade”, onde "um milagre" é o seu futuro carro importado e a “benção” é a sua casa própria. Não há nada de errado em denominar sua casa própria como um milagre, acredite, pra mim seria exatamente assim, mas é só isso que devemos esperar por seguir a Palavra? Um milagre é... As coisas materiais e passageiras desse mundo são realmente a recompensa por ser um cristão? Eu não acredito assim. Não posso ler a Palavra e ignorar os diversos questionamentos que ela produz em mim, as ‘cajadadas’ que me conflitam e os princípios que devemos guardar fielmente e que, ainda hoje, são tão vagos em nosso meio. O fato de que todos os heróis da bíblia passaram por provações que, na maioria das vezes, custavam à própria vida está querendo dizer algo sobre a caminhada com Cristo. É preciso ter essa consciência da dor que produz o crescimento; da luta que tem por finalidade a experiência, da guerra que só existe por ter um propósito de vitória. Porque eu pensaria que comigo seria diferente? Porque devo pensar que ter um carro importado é melhor do que passar por todas as experiências que os discípulos de Jesus tiveram, por exemplo? Um milagre não é seu sapato novo! É revoltante a forma como vemos a maioria das meninas desejarem impulsivamente o sapato da moda que custa quase a metade do salário delas, ou os marmanjos jogando o vídeo game do ano com tanta garra e disposição que às vezes, ficam o dia todo em frente à tela da TV e ainda assim, não se cansam. Será que essas mesmas meninas têm esse mesmo desejo impulsivo de ofertar para um missionário da Igreja? E esses marmanjos? Será que também atuam em seu ministério com a mesma disposição que jogam os seus joguinhos? Quem está certo ou errado? A questão nem é o que está de errado, afinal, ninguém vai para o inferno por comprar o sapato da moda, mas como deve ser, naquele dia, estar na presença de Deus e não ter nenhum tesouro no Céu? O que diremos quando Ele perguntar sobre os nossos atos de justiça? Detalhe: a bíblia fala que até isso são como trapos imundos diante Dele. Vamos pensar! Ele disse que faríamos obras maiores, certo? O que pode ser maior do que as obras de Cristo? Já me peguei viajando pensando nisso aí, mas concorde que ficar almejando as coisas deste mundo e gastar mais o seu tempo em coisas vãs não vai ser maior do que os feitos dEle. Um milagre, o despertar da igreja! Acorda Igreja! Igreja eu, Igreja você... Somos ou não somos cidadãos do céu? Mais de Deus, menos de coisas deste mundo, por favor! Se ligue nesses versículos que foi muito revelador a respeito do que Deus espera que façamos. “Pelo que diz: Desperta, ó tu que dormes, levanta-te de entre os mortos, e Cristo te iluminará. Portanto, vede prudentemente como andais, não como néscios, e sim, como sábios, remindo o tempo, porque os dias são maus. Por esta razão, não vos torneis insensatos, mas procurai compreender qual a vontade do Senhor.” Efésios 5:14 ao 17. Para você o que é um milagre? Deixe seu comentário, Deus abençoe!

Nenhum comentário:

Postar um comentário